domingo, 28 de abril de 2013

Os Jardins do Palácio de Cristal... um passeio obrigatório.

Paisagismo, vista fantástica e pavões


criança olhando para pavão

A cidade do Porto é mesmo privilegiada... podemos estar no centro urbano, próximo de quase todas as atrações turísticas, junto ao rio ou junto ao mar em questão de minutos. E para completar, a cidade tem lindos parques e jardins para serem  desfrutados!
Os Jardins do Palácio de Cristal, é um verdadeiro oásis no centro do Porto, que vale a pena dedicar horas para estar por lá a passear e desfrutar de tudo que ele oferece.
O Palácio de Cristal era um  edifício todo em ferro, vidro e granito, inspirado no Crystal Palace londrino e que foi construído para receber a grande Exposição Internacional do Porto em 1865, além de receber também diversas exposições e outros eventos culturais da cidade.
Em 1951 (sob forte contestação popular) o Palácio de Cristal foi destruído para dar lugar a um Pavilhão Desportivo que seria o palco do Campeonato Europeu de Hóquei em Patins.
Depois de anos sem muita utilização, o pavilhão foi totalmente recuperado e é o espaço da cidade dedicado a grandes apresentações musicais com capacidade para até 8.000 pessoas. 
O  nome Palácio de Cristal permanece até hoje, e os imensos e belíssimos jardins que foram projetados pelo paisagista alemão Émile David, também! E ainda bem! Porque assim, temos na cidade um lugar incrível para passear, estar próximo à natureza e ver lá do alto, o rio, o mar e parte da cidade.
Nele encontramos vários locais  que nos permitem aproveitar os dias de sol, aproveitando todos o espaço verde no melhor estilo jardim romântico.

casal sentado em banco vermelho no meio de um jardim


banco de granito junto de árvore de camélias

jardim com vista para cidade



Nele encontramos vários locais  que nos permitem aproveitar os dias de sol. Desde um bom descanso na relva/gama, ou um piquenique à sombra.
Existem muitas aves soltas por lá, à volta do lago muitos patos e gansos. E pelos jardins os pavões encantam as crianças e  aos adultos também. E por falar em crianças, não faltam espaços para eles brincarem.



pessoas deitadas na relva ao sol

família fazendo piquenique em jardim  e pavão ao lado

menino olhando gaivotas num lago


É um Jardim tipicamente europeu do séc. XIX cheio de esculturas e de várias espécies de plantas, com cantinhos especiais, como a Capela de Carlos Alberto, o rei da sardenha que no seu exílio viveu na casa da Quinta de Macieirinha, bem ali ao lado onde se encontra atualmente o Museu Romântico.
Ele viveu apenas dois meses naquele local, porque em dois meses adoeceu e morreu.
Seu corpo foi trasladado para a Itália, mas a sua irmã, mandou erguer nos jardins da casa que lhe acolheu, uma linda capela com o nome do irmão e que hoje realiza cultos luteranos.


pequena capela num jardim


torre de granito com vista para o rio
desta torre podemos ter uma vista linda sobre o rio e as cidades do Porto e de V. N. Gaia


O roseiral, também é uma jardim repleto de rosas, fonte e onde se encontra a Casa Amarela, onde são realizadas cerimônias e pequenas celebrações da Câmara Municipal do Porto.
Nos jardins do Palácio de Cristal também encontramos a Biblioteca Municipal Almeida Garret que além do grande acervo, possui uma galeria de arte e auditório.

O ponto alto do local é a vista para o pôr-do-sol. Em qualquer época do ano, o espetáculo com vista para a ponte da Arrábida, convida à muitas fotografias.
É um dos melhores locais para ver o pôr-do-sol na cidade. 


pessoas na relva apreciando o pôr do sol com ponte e rio


Se vem ao Porto, tem que conhecer este espaço lindíssimo repleto de verde e vistas fantásticas bem no centro da cidade. E se vive na cidade... aproveite um belo dia de sol nos Jardins do Palácio de Cristal!!

site oficial da Câmara Municipal sobre: Jardins do Palácio de Cristal







Um comentário:

  1. Uma coisa que não sai de minha lembrança são os pavões... Não são um ou dois, são muitos, talvez uns 20, ou mais... Ao fim do dia, eles começam a se reunir e vão para os galhos e vemos aquele exagero de aves nos galhos das arvores... Lindo, lindo, lindo...

    ResponderExcluir