terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

O Centro Interpretativo da Casa do Infante. A História dos Descobrimentos e o Porto.

O edifício do século XIV que foi a antiga Alfândega do Porto, hoje é conhecido como a Casa do Infante e é um museu que para quem gosta de história deve visitar, porque vai conhecer a história da cidade do Porto relacionada com a sua vida comercial e mercantil.
A beleza daquela construção medieval abriga documentos, objetos e a história de um Porto mercantil.

Mas, nos aposentos das antigas torres daquele edifício, durante um longo período em que o rei João I de Portugal e a rainha Filipa Lancester estiveram na cidade do Porto, nasceu o Infante Dom Henrique, que há 600 anos atrás, partiu dos mares de Portugal para descobrir o mundo. Hoje é conhecido como o patrono dos Descobrimentos.

Assim era o edifício da Alfândega, construído no séc. XIV, onde nasceu o Infante D. Henrrique.
Veja mais sobre o museu Casa do Infante neste post AQUI

No ano passado, o museu Casa do Infante, ganhou uma nova ala, moderna e totalmente dedicada ao próprio Infante D. Henrique e os descobrimentos portugueses...




Orgulho! 

Por entre pedras medievais, através de muita informação, vídeos e interatividade vamos conhecendo muito mais sobre este portuense que foi tão importante para a história dos descobrimentos e das grandes expedições marítimas...






Os "mundos" que ele e seus seguidores descobriram...






roteiro da viagem de Vasco da Gama à Índia

A importante relação da cidade do Porto com os Descobrimentos...



"Como nenhuma outra, a cidade do Porto assumiu no nome a vocação que pretendia assumir. Eis um burgo seduzido pelas navegações que ajudaram a moldar-lhe a identidade. No séc. XV os seus navios frequentavam todos os grandes portos da Europa e os seus cais e praias animavam-se com as cargas e descargas de muitas e ricas mercadorias"




Esta identidade ultrapassou séculos e ainda pertence à cidade nos dias atuais.
O Porto é moderno, aberto para o mundo e histórico!



A identidade do Porto está na Casa do Infante...






Para os visitantes brasileiros, o Centro Interpretativo reserva uma série de informações relacionadas com os descobrimentos. Como a interpretação da flora e da fauna naquela época...







Algumas  missões jesuítas que também saíram daqui do Porto em direção ao Brasil...




e a  saída de Pero Vaz de Caminha, da Casa da Moeda, na Alfândega, onde trabalhava, para se juntar à expedição de Pedro Álvares Cabral. Tornado-se ele responsável em comunicar ao reino de Portugal, o descobrimento do Brasil.



E por falar em Casa da Moeda, no Centro Interpretativo, também vamos conhecer mais sobre a história da produção das moedas portuguesas  e as explorações de metais em várias partes do mundo...






E que bom que este museu agora conta-nos muito mais sobre a relação da cidade do Porto com os descobrimentos portugueses!



Vale a pena visitar. Quem vive no Porto, vai se orgulhar ainda mais da história desta cidade.
E quem vem visitar e gosta de História não deve perder. Principalmente se vem do Brasil, vai se encantar com a relação da História do Brasil com o Porto.

Um museu e a história de uma cidade... que encanta!

Museu Casa do Infante e Centro Interpretativo
Rua da Âlfandega, 10 Porto
tl. +351 222 060 400
casadoinfante@cm-porto.pt

De 3ª à Domingo das 10 às 13h e das 14 às 17h30
Gratuíto aos fins de semana

Durante a semana: 2,20 euros


segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

O Porto agora no Snapchat. Com o Porto encanta.


As redes sociais cada vez mais fazem parte da vida de um blog. Cada uma com a sua linguagem específica, o seu público e a forma de comunicar. São as maneiras mais rápidas que temos para perceber se estamos passando bem a mensagem e para quem.

As mais utilizadas são o Facebook, o Twitter e o Instagram. Mas agora a nova sensação, que chegou meio sem ninguém saber o que era, mas que hoje em dia é uma realidade, é o Snapchat.



Uma maneira de comunicar completamente diferente de tudo o que já apareceu.  São vídeos rápidos (10 segundos) que podem ser publicados um a seguir ao outro e que ficam a disposição para serem vistos apenas 24 horas. Como não podem ser editados, é gravar e publicar, o conteúdo desta rede social é real. Do tipo: a vida como ela é.
E é assim, que o Snap (como é chamado) começou a me conquistar.

No início, eu não queria nem ouvir falar em estar presente nesta mídia, já que quando ela começou, o público usuário era jovens e adolescentes. Mas... como tudo na internet tem quase a velocidade da luz, rapidamente os paradgimas do Snapchat foram caindo, e hoje marcas famosas, já o utilizam para apresentações rápidas dos seus produtos. A Casa Branca também já está no Snap, e o Obama que adora uma rede social aparece por lá vez ou outra.

E foi assim que começou a história do Snapchat & o Porto encanta:

Em Novembro do ano passado, no II Encontro Europeu de Bloggers Brasileiros aqui no Porto, um vídeo enviado por uma leitora de quase todos os blogs que participaram do evento, acabou por tocar o meu coração, quando ela disse que queria muito ver o Porto através do Snapchat:




A partir desse dia, uma campanha de pedidos para que eu mostrasse o Porto no Snapchat começou.
As minhas colegas bloggers que vivem em outras cidades europeias, diziam que os seus seguidores estavam a pedir o Porto no Snapchat.
Passei a me informar mais sobre esta rede social que era tão distante de mim. E a verdade é que depois dos norte-americanos, os brasileiros são os maiores seguidores do Snap.

Já comecei a me interessar muito, ao saber disto, uma vez que mostrar o Porto cada vez mais para os brasileiros é o meu grande objetivo.

Fiz o download no meu smartphone e passei a ver os vídeos diários das minhas colegas e comecei a ver que aquela maneira de comunicar, vinha de encontro ao que eu gosto: descontruir os padrões de que tudo tem que ser lindo, super bem produzido, sem falhas, ou seja... um mundo da fantasia.
No Snap não é assim. É uma espécie de: a vida como ela é. E que para mim pode ser divertida, sem muitos padrões a seguir, desde que passe a mensagem e principalmente haja engajamento.
E isto o Snapchat tem de sobra, porque como os comentários são feitos apenas em mensagens privadas, fica todo mundo mais a vontade.

E eu comecei então a pensar... se  Milão, Londres, Barcelona, Florença, São Paulo, Rio de Janeiro, Estocolmo, Braga, Treviso, Roma, Lisboa, Berlim e tantas outras cidades estão... já está na hora do Porto estar também!

E lembro-me muito bem do dia das eleições presidenciais aqui em Portugal, antes de anunciarem os resultados, uma notícia no rodapé chamou a minha atenção: acompanhe os resultados das presidenciais e as reações no Snap do Expresso: o Jornal Expresso é o meu jornal semanal preferido desde quando eu vim morar em Portugal (quase 11 anos) e então eu pensei: se o Expresso já está no Snap, era o que faltava para eu definitivamente mostrar o Porto para o mundo. Assim.. em direto e ao vivo.

Acompanhei um inquérito feito pela snaper e blogger Mage dos Santos do Milão nas Mãos que para a surpresa de muitos, apresentou o resultado de um público no seu Snapchat que ia dos 16 aos 60 anos.
Afinal, a rede social divertida, também já está conquistando um público mais velho.

Reunidos todos os motivos, faltava saber mais como funciona o Snap  para começar a publicar.
Foi então que o especialista Ivo Madaleno deu-me uma autentica aula em pleno sítio de onde eu queria publicar o meu primeiro video do Porto... a Ribeira!



Aula de Snapchat em plena Ribeira... no Porto

Informe-se sobre as aulas privadas do Ivo Madaleno: AQUI

A primeira publicação do Porto no Snapchat

E a verdade é que em menos de 12 horas desta publicação, o Snap do o Porto encanta já tinha 200 seguidores e muitas mensagens. Que se estenderam pelas outras redes sociais...





Dia após dia estes números vem aumentando, mas os números (também como eu gosto) nunca são precisos.  O importante mesmo no caso do Snap, são as mensagens trocadas, em privado, que vai aumentando cada vez mais a sinergia entre os seguidores e o Porto encanta.


A prova da velocidade desta comunicação, aconteceu no último sábado, quando divulguei com a blogger Irina Vieira o nome do seu blog de beleza no Snap do o Porto encanta e alguns minutos depois ela já recebia uma mensagem no seu Instagram:



E não é por acaso que as empresas já estão se preparando para estarem presentes neste rede social divertida e...eficiente. A blogger Naiara Back que vive em Braga é uma das autoras do blog Viajar pela Europa, é publicitária como eu e já está a aprender:



Porque o trabalho de um blogger nunca pode parar!

E assim, o Porto encanta vai mostrar cada vez mais o Porto, agora em direto.
Lugares lindos, a maneira de se estar bem no Porto e cenas do dia-a-dia de quem vive na cidade também, porque além dos turistas, muitos leitores do blog são pessoas que vem para o Porto para trabalhar, estudar ou viver por um tempo.



A fantástica gastronomia portuguesa também vai estar muito presente no Snapchat do
  o Porto encanta:


video



Acompanhe o Snapchat: oportoencanta

E fica aqui a minha sugestão dos meus colegas que foram fontes de inspiração para eu aderir ao Snap e outros também:

italiaperamore -  a Isabela Discacciati do blog Itália per amore e o seu dia-a-dia e passeios por Treviso na região de Veneza
ivomadaleno - o portuense Ivo Madaleno especialista em redes sociais do blog Pinstagram Guy
milaonasmaos - o dia a dia da e os pontos turisticos de Milão, por Mage dos Santos do Blog Milão nas Mãos
naiara.back - a vida da Naiara Back em Braga e as suas viagens através do blog Viajar pela Europa
agendaberlim - o dia a dia do casal Nicole e Paccelli do blog Agenda Berlim, que vivem na capital alemã, e também os seus pontos turísticos.
consueloblocker - elegância e irreverência ao mesmo tempo, no snap da Consuleo Blocker que vive em Florença e escreve o blog de moda e lifestyle Consuelo Blog
cultuga - Lisboa pelos olhos do casal Priscila e Rafale do blog Cultuga
gaiapassarelli - a irreverente e bem paulistana e blogger de viagens Gaía Passarelli
helorighetto - a vida em Londres da Heloisa Righetto do blog Aprendiz de Viajante e autora do Guia de Londres para Iniciantes e Iniciados e do blog Helo Righetto.
nomundodapaula - vive em Londres, mas pode estar em qualquer lugar do mundo. As viagnes da Paula Augot do blog No Mundo da Paula
praveremlondres - a vida em Londres e as viagens do casal João e Natasha do blog Prá ver em Londres
romapravoce - o dia a dia e as atrações turísticas de Roma através da autora do blog Roma prá você
italianablog - as viagens Brasil-Itália da blogger Ana Tamiso do Italiana blog
soldebarcelona - o dia a dia e as atrações turisticas e culturais de Barcelona por Cristina Rosa do Sol de Barcelona
gi-vpeuropa - A vida em Estocolmo e as viagens em família da blogger Giseli Almeida do blog Viajar pela Europa
babicampanaro - a maravilhosa Toscana por Babi Campanaro do blog Viva Toscana
maripelomundo - as viagens pelo mundo da Mari Pelo Mundo
lilianastahr - a vida em Londres e as viagens da blogger Liliana Stahr do blog Catálogo de Viagens
grazieateblog - a vida na Florença e as suas atrações turísticas e culturais por Denya Pandolfi do Blog Grazie a te 
destinoprovence - a Natália, o Bernardo e o seu bebe lindo mostram a Provence para nós. Eles escrevem o blog: Destino Provence

Do Porto para o mundo! Porque o Porto... encanta!
siga nas redes sociais: oportoencanta





quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Uma loja que é um mercado. O Mercado na Invicta.

É um conceito cada vez mais utilizado na cidade do Porto e que prova que a união faz a força.
Junta-se um grande espaço, muitos criativos, boa vontade e disposição e já está.
Desta vez  o Mercado na Invicta, na Rua da Fábrica, bem no coração do Centro do Porto, veio unir vários artesãos e criadores portugueses num espaço belíssimo, amplo com muita luz e muitos azulejos... no chão!




Impossível não reparar, quando entramos no Mercado na Invicta  uma espécie de puzzle de azulejos.
Sem muita explicação, já que nem o atual proprietário do edifício conhece a origem deles estarem ali no chão. Mas a verdade é que eles dão um charme muito especial, contrastando com as grandes pedras de granito nas paredes e se misturando com as cores dos produtos desta loja tão criativa!


De fora, o espaço chama a atenção pela sua amplitude, boa luz e tudo muito bem exposto...



E no seu interior encontramos coisas tão lindas! Vá sem pressa porque há uma quantidade imensa de produtos para serem apreciados. Roupas, acessórios, decoração, gourmet, gifts, tudo à Porto e bem português...














Vai sempre encontrar por lá alguém em pleno "work in progress", afinal a produção não pode parar!


Delícias para provar e levar...






Este tipo de loja/mercado é interessante por ter uma gama de produtos que muitas vezes são exclusivos.








Recordações do Porto e de Portugal...









E cores!! Muitas cores!!









A inauguração foi no último dia 30 de Janeiro e foi um sucesso. E nos fins de semana, acontecerão sempre por lá atividades e animações. Vale a pena acompanhar no Facebook/Mercado-na-Invicta




Porque espaços assim, com tantas coisas lindas e pessoas unidas pelo trabalho... encantam!





Todos os dias das 10 às 20 h
Rua da Fábrica, 15/19
Porto
tl. +351 914 709 626
Facebook/Mercado-da-Invicta










pb