terça-feira, 17 de julho de 2018

Do Porto para... Amarante. Uma cidade histórica que vale a pena conhecer.

Localizada nas margens do rio Tâmega, um dos rios que vem da Espanha e desagua no rio  Douro, Amarante é daquelas cidades que  muita gente passa por ela quando viaja do Porto para o Vale do Douro e não tem a curiosidade de entrar para conhecer. Mas ao mesmo tempo, muitos conhecem e se encantam,
Quem gosta de se surpreender, vai encontrar no centro de Amarante uma paisagem especial.
Eu diria quase que bucólica.
Já fui a Amarante várias vezes. A última foi no mês passado, na ocasião que visitei o hotel de charme Casa da Calçada Relais & Chateau e o seu restaurante estrela Michelin, Largo do Paço: AQUI, e não me canso de apreciar aquela paisagem que une a Igreja de São Gonçalo, Igreja de São Pedro e a ponte de São Gonçalo...




A Ponte de São Gonçalo foi construída em meados do séc. XVIII, substituindo a ponte medieval que teria sido mandada construir pelo próprio São Gonçalo e que foi destruída devido à enchentes.
Sua história também ficou marcada pelas lutas sangrentas e pela resistência das tropas portuguesas, durante 14 dias, contra as tropas napoleonicas no período das invasões francesas. Nos dias atuais, ela faz parte da envolvência encantadora do centro de Amarante...






Na margem oposta à Igreja de São Gonçalo encontra-se o charmoso hotel Casa da Calçada



A Igreja e o Convento de São Gonçalo foram construídos a partir de meados de 1500, no mesmo local onde supostamente estava o corpo de São Gonçalo. A visita à igreja e ao claustro, vale não só pela arquitetura, mas também pela talha dourada, o belíssimo órgão ibérico e as pinturas.


Junto à igreja, onde estava o antigo convento encontra-se o Museu Municipal Amadeo de Sousa Cardoso, fundado em 1947 e que tem um acervo incrível. Dando destaque a arte moderna e contemporânea em pintura e esculturas de artistas de Amarante e não só.
Não vá com pressa. Há muitas salas com obras da coleção permanente e exposições temporárias.
Esta foi a primeira vez que visitei este museu e foi uma surpresa pela positiva.


Dedique também um tempo para passear pelas ruas estreitas do centro de Amarante e vai ver detalhes surpreendentes de uma pequena cidade cheia marcas do tempo...



Ninguém pode ir embora de Amarante sem antes provar a sua gastronomia local acompanhada de vinho verde,  finalizando com os deliciosos doces conventuais da famosa Confeitaria da Ponte, mesmo ao lado da ponte de São Gonçalo.
Estes  acompanharam-me para serem degustados no Porto... com vinho... do Porto.

Fica a dica de mais uma cidade cheia de histórias e recantos para conhecer a partir do Porto.
Sem contar a sua excelente agenda cultural do ano todo, a bela natureza nos seus arredores, o parque aquático para a família, o campo de golfe e os incríveis monumentos da rota do românico. Consulte tudo AQUI.

A 40 minutos de carro a partir do centro Porto, pela autoestrada A4.
Ou em 50 minutos de autocarro/ônibus pela empresa: www.rodonorte.pt 

Porque viajar pelo Norte de Portugal... encanta!

Vai ficar hospedado em Amarante?







Vai viajar de carro por Portugal?







Vem para o Porto e região?





Nenhum comentário:

Postar um comentário