domingo, 13 de outubro de 2019

Visita às caves Calém.


Armazém e barcos rabelos

Vinho do Porto, museu interativo e fado.

Quando estamos na Ribeira às margens do rio Douro e olhamos para a outra margem em Vila Nova de Gaia, ficamos impressionados com a quantidade de antigos armazéns e seus longos telhados, todos muito próximos uns dos outros. São as caves de vinhos do Porto. Cada uma guarda milhões de litros de vinho do Porto que ficam ali adormecendo em barris de carvalho, numa espera silenciosa, até que chega a hora de serem engarrafados e enviados para o mundo.
São nestes armazéns que estão guardados os segredos e a história de um vinho tão antigo e tão especial. Cada um tem a sua história, a sua personalidade. 
Os vinhos Calém, contam a história de um empreendedor aventureiro.
Bem ali próximo do rio Douro e da Ponte Luis I, aquele grande armazém branco chama a atenção e ali está desde 1859, quando António Alves Calém fundou esta que seria uma das caves que mais recebe visitantes no mundo, são mais de 235.000 visitantes/ano.

foto antiga das Caves Calém
imagem do armazém no museu das caves Calém

António Alves Calém, inovou na exportação. Enquanto todos os produtores de vinho do Porto tinham seus olhos voltados para o mercado britânico, ele decidiu levar os seus vinhos para o Brasil e entrou naquele mercado em troca de madeiras exóticas, possibilitando assim, construir as suas próprias embarcações utilizadas para o comércio do vinho do Porto.

embarcação desenhada na parede
embarcação que até hoje está presente no logotipo da empresa

A nova Calém:

Muitos anos se passaram e o sucesso da empresa continuou nas seguintes gerações. Hoje a Calém pertence ao grupo Sogevinus que também é detentora de outras marcas de vinho: Barros, Burmester, Velhotes e Kopke. 
A primeira vez que estive nas caves Calém, ainda nem escrevia este blog, mas já mostrava os encantos do Porto para amigos que me visitavam.
Além disso, a minha proximidade com esta cave foi na ocasião de uma exposição de fotografias do meu marido Rui Bonito com o tema Vintage Douro em 2012.

vendo a exposição fotográfica
o antigo espaço da Calém para exposições artísticas
prova de vinhos do Porto
Em prova na visita feita antes de 2012

O Porto mudou e as caves Calém também. Sofreu uma grande remodelação e em 2016 reabriu com mais espaço para os visitantes e um conceito de visita moderno e visualmente bem atrativo.
Recebi um convite para  conhecer o que há de novo para quem quer visitar esta marca que tem a a sua história tão próxima do Brasil.
Um dos pontos positivos que chamou a minha atenção, é que os grupos grandes (excursões) fazem a visita às caves separados das visitas individuais, o que torna a visita guiada mais atrativa e personalizada.

O circuito das caves Calém:

Ao chegar o visitante é convidado a entrar no museu interativo onde pode conhecer de maneira diferente a região do Vale do Douro, o solo, as uvas, as vinhas e a história da Calém. 
Também fica próximo das cores e aromas dos vinhos do Porto através de grandes  mesas expositivas e interativas. E ainda pode ver um curto video em 5D. Uma verdadeira experiência sensorial.
Depois é conduzido a uma visita guiada de 30 minutos, passando por entre os barris onde o vinho envelhece, conhecendo então os diferentes tipos de vinhos do Porto e suas harmonizações.
O circuito finaliza com as provas que podem ser standart ( 2 vinhos) ou premium (3 vinhos).

paineis no museu de vinhos das Caves Calém


tubos de vidro com as cores dos vinhos do Porto

display com uva e folhas

display com aromas de vinho do Porto
tente advinhar os aromas 


imagens do museus da Caves Calém
luzes, cores e tecnologia, aliados à tradição

visitantes nas Caves Calém

Sala de provas Caves Calém

Fado, sabores e vista para o Porto:

A antiga sala de exposições foi transformada numa sala acolhedora onde é possível fazer uma prova diferenciada  que harmoniza os vinhos com queijos e chocolate, com a cidade do Porto a surgir pelas janelas.
Nesta sala acontecem todos os dias espetáculos de fado às 18:30h. 
Na esplanada à porta das caves serve vinhos e coqueteis à base do Porto.
E quem quer continuar por ali, com toda a cidade do Porto  à frente, e deseja uma refeição ou apenas petiscar enquanto prova os outros vinhos da Sogevinus, basta atravessar a rua, e desfrutar do restaurante UVA by Calém, onde são servidos pratos que unem os sabores da cozinha portuguesa com uma atmosfera incrível às margens do rio Douro.

mesa com provas de vinhos do Porto e palco para concerto de fado
a sala de provas harmonizadas e concertos de fado


vinho do Porto, queijos e chocolate

petiscos, copos de vinho com vistas para o Porto


Uma experiência completa para quem quer conhecer o vinho do Porto de maneira mais dinâmica, para quem quer desfrutar de um bom concerto de fado, junto com vinhos, sabores e uma vista para o Porto de tirar o fôlego!

Caves Calém
Rua Diogo Leite, 344 Vila Nova de Gaia
tl. +251 223 746 660
www.calem.pt 

Vem para o Porto e região?


mãos em azulejos no Porto





quarto de Hotel no Porto

Nenhum comentário:

Postar um comentário