domingo, 1 de setembro de 2013

A fantástica vista a partir da muralha medieval do Porto

Post atualizado em Setembro de 2018.

Atualmente, este tão importante vestígio da Muralha Fernandina não pode ser visitado, mas até 2016 ainda era possível passear por ela.

A cidade do Porto e a sua muralha medieval foram praticamente crescendo juntas, a medida que a cidade ia crescendo, iam sendo construídas outras extensões da muralha para a sua defesa.
Ela demorou mais de 20 anos para ser construída, tinha 2.600 metros de extensões e 9 metros de altura.
É conhecida como Muralha Fernandina, porque foi no reinado de D. Fernando que foi concluída, mas a sua construção foi por ordem de D. Afonso IV, passou ainda pelo reinado de D. Pedro e só durante o reinado de D. Fernando é que a mesma foi finalizada. Nos dias de hoje, devido à destruição de algumas partes desta muralha, o que vemos são algumas outras partes "sobreviventes" que se encontram no Centro Histórico da Cidade.
O principal vestígio desta imensa muralha medieval do Porto, está quase que escondida, ao lado da Ponte Luis I...


Fiz estas duas fotos na ocasião de um voo de helicóptero sobre a cidade do Porto, também vale a pena ver: AQUI


Ela demorou mais de 20 anos para ser construída, tinha 2.600 metros de extensões e 9 metros de altura.
O acesso à esta muralha é quase um segredo... quem visita a Igreja de Santa Clara, que atualmente está sendo restaurada (ver post sobre a Igreja: AQUI) nas imediações da Sé Catedral e conversa com uma das voluntárias, a D. Rosa, uma senhora muito simpática que está ali para falar da Igreja e o antigo Convento de Santa Clara, fica logo a saber, que  ao lado da porta da Igreja se encontra uma entrada para o que é hoje uma instalação da Secretaria da Saúde do Porto, e é ali o  acesso "secreto" à muralha...

ao olhar de frente para a porta da Igreja, o acesso à muralha fica do lado esquerdo
E ali está como que num esconderijo, a possibilidade de termos uma das melhores vistas da cidade...



Estamos acima do último tabuleiro da Ponte Luis I...







Com vista para as outras pontes...


E para o Porto... lindo!







Para  as caves e os armazéns do vinho do Porto...


E para a Serra do Pilar...


Vale a pena subir ainda mais pelos degraus em pedra da muralha...



E descobrir partes de um Porto medieval...



Uma descoberta fantástica para quem vem visitar o Porto e para quem vive na cidade e nunca foi até lá.
Uma parte da história desta cidade invicta!

Não se sabe ainda se e quando poderemos voltar a subir na Muralha Fernandina, mas assim que se saiba algo, aqui será avisado. Ficam por enquanto, as boas lembranças para quem lá subiu,





Vem para o Porto e região?



12 comentários:

  1. Sim, sim.... vi as mulharas, claro!! Ao longe, não fui até elas. Mais uma relíquia que Rita Branco traza pra nós, viajantes e admiradores dessas terras lusitanas!!!

    Luciana Azevedo

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Rita. que excelente dica. Já tinha visto imensas vezes a muralha pelo exterior e não fazia ideia da possibilidade de poder entrar! Ontem lá fui eu e foi...mágico. Fantástico.
    Obrigado Rita.

    Nuno Maia

    ResponderExcluir
  3. Obrigado por este excelente trabalho de divulgação do Porto, Rita Branco.
    Apesar de portuense, desconhecia a possibilidade de poder apreciar o Porto deste local especial. Na primeira oportunidade irei confirmar ir loco as potencialidades do sítio e, deixar a minha máquina fotográfica registar momentos únicos.

    ResponderExcluir
  4. A entrada é gratuita ou tem que pagar?

    ResponderExcluir
  5. Muito obrigada pela informação! Estou a viver no Porto agora, e passo muitas vezes por essas muralhas e já desconfiava do local da entrada para as mesmas, mas não sabia que era através dessa senhora que podíamos ir :) excelente post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :)
      Mas para já a Igreja está fechada para restauração. Mas pode entrar pela porta ao lado

      Excluir
  6. Excelente este pequeno e valioso trabalho.Parabéns e Obrigado pela sua divulgação!

    ResponderExcluir
  7. Excelente! Muito obrigada pela publicação.
    Tenho mesmo que conhecer :)
    Elisabete Sampaio

    ResponderExcluir