sexta-feira, 13 de julho de 2012

O Alfarrabista da Rua das Flores, nº 28 - Uma viagem no tempo.

Não é um museu, mas poderia ser.
Existe um mundo, no nº 28 da Rua das Flores, que é um mundo à parte.
Poderia ser um Museu da Literatura, das Letras, do Conhecer e de tantas outras coisas.

Bem-vindo ao mundo do Sr. Pedro Chaminé da Mota, o Alfarrabista.



Sim, é mais  uma das tantas palavras que no meu português-brasileiro, era desconhecida...
Tem origem árabe,  vem  do nome do filósofo muçulmano al-Fârâbî que possuia e leia muitos livros.
E portanto é o nome dado a quem coleciona, compra e vende livros e demais publicações usadas, de segunda mão.
No Brasil, este comércio tem o nome popular de "sebo".


Curiosidades à parte, quem passa por  esta porta na emblemática Rua das Flores, não imagina o que há  no seu interior. E quem entra, basta alguns minutos para perceber que entrou numa deliciosa viagem no tempo.
São livros, livros e mais livros, revistas, jornais e muito mais.






 Para além dos livros há várias caixas de músicas, verdadeiras peças únicas. Uma coleção de chapéus, muitos e muitos objetos incrivelmente interessantes. Vá à Livraria Chaminé da Mota sem pressa, porque vai ser impossível sair de lá tão cedo.




O mais incrível é que está tudo catálogado, super bem organizado e separado por, temas, autores, países. São publicações e mais publicações e mais publicações. 1 milhão!! Distribuidas em extensos corredores.
São 4 pisos com muita coisa para ver.





Publicações raríssimas, algumas delas, nem estão à venda.
E algumas tem capas tão lindas que são autenticas peças de decoração...
Tudo muito poético...



O pessoal que lá trabalha está sempre muito disponível e pronto para ajudar no que o cliente procura, ou simplesmente para mostrar tudo o que há lá para ver.

E o melhor: o sr. Pedro Cahaminé da Mota, de 82 anos, sim! 82 anos! Está lá todos os dias, sem reclamar, feliz, apaixonado por tudo aquilo, sempre disposto para uma boa conversa. É um homem que exala cultura.
Tem um orgulho imenso por aquilo tudo. E a cidade do Porto só tem a agradecer a um homem que desde a sua infância guardou todas as suas bandas desenhadas, revistas, livros e um dia em 1981 com o incentivo da sua esposa, resolveu mostrar à cidade e ao mundo, o seu Mundo!


Livraria Chaminé da Mota | Alfarrabista
Rua das Flores, 28
tl. 222 005 380
www.chaminedamota.com

Vem para o Porto e região? Veja aqui, dicas preciosas para a sua viagem

Um comentário:


  1. Conheço o espaço de lá ir visitar os livros, é uma máquina do tempo que nos leva a outro mundo, ao meu em particular.
    Obrigada pela partilha!

    ResponderExcluir