quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Quinta dos Cónegos. Um "segredo" mesmo aqui ao lado.

Fica a aproximadamente 15 kms do centro do Porto,  na cidade vizinha Maia e tem esse nome porque o solar do séc. XVIII,  era a casa de descanso e veraneio do cabido da Sé do Porto.
É uma construção belíssima de estilo barroco, com influência de Nicolau Nasoni, o mesmo que construiu a famosa Torre dos Clérigos e tantos outros edifícios emblemáticos de estilo barroco no Porto.
Mas ainda antes dessa construção, já ali havia a capela da Sagrada Família do século XVII que foi integrada à casa...




Em meados do século XX foi comprada por um grande empresário que a reestruturou totalmente.
Em 1992, a casa sofreu um incêndio e foi totalmente devastada, ficando apenas a capela intacta.
Naquela altura a Quinta dos Cónegos tinha sido adquirida pela Fundação Ricardo Espírito Santo, que contratou o arquiteto Antonio Pinto Leite para a sua reconstrução, sendo mantida a arquitetura e a decoração exatamente como se encontrava na época que foi incendiada.

Passou então a receber eventos sociais e culturais e a acomodar clientes especiais da instituição.

Hoje, a Quinta pertence à Câmara Municipal da Maia e tive o privilégio de a convite do órgão de turismo da cidade conhecer esta preciosidade, quase "escondida" e que em breve irá ser aberta ao público para visitas à casa, mas principalmente para uso dos belíssimos jardins.
Seis hectares de área verde...







 Mas é no seu interior que encontramos auténticas obras de arte. Desde o mobiliários até os pormenores da decoração, tudo é para ser apreciado...










Um belíssimo corredor leva para os cinco quartos que continuam intactos desde a época em que ali recebiam hóspedes...




casas de banho / banheiros incríveis!!



Uma casa, repleta de pormenores...



Vale a pena ficar atento no site www.visitmaia.pt  para saber sobre a abertura da Quinta dos Cónegos, para poder visitar  este quase "segredo" que encanta!

A 15 minutos de carro do centro do Porto e próximo da estação do metro Parque Maia 
ou autocarros/ónibus 600 / 603/ 604
Rua do Souto, 363



Nenhum comentário:

Postar um comentário