domingo, 14 de maio de 2017

A história do clube e da cidade. No Museu do Futebol Clube do Porto. Um museu com emoções.

Visitar o Museu do Futebol Clube do Porto é muito mais do que conhecer a história de um grande clube de futebol da Europa. É saber mais sobre a cidade e sobre as pessoas do Porto...




E é saber os pormenores desta história... Por exemplo:
Quem algum dia poderia imaginar, que nas águas do rio Douro, ali bem próximo da Ponte Luis I se disputavam partidas de pólo aquático? Pois esta é uma das inúmeras curiosidades que passei a conhecer depois da minha visita a este fantástico museu...


Aberto em 2013, o Museu do FC Porto já recebeu mais de 410.000 visitantes. E é certamente o museu mais interativo da cidade e com uma narrativa histórica que me deixou impressionada!

Vá sem pressa porque o museu tem 27 áreas temáticas que contam a história do clube em todos os sentidos. Esta narrativa histórica faz uma ligação com a cidade do Porto em cada um dos seus espaços.

É um museu carregado de sentimentos e emoções.
E com arte à mistura.

Logo à entrada, a instalação Valquíria Dragão, da artista contemporânea Joana Vasconcelos impressiona. Um obra que utilizou vários  troféus de muitas das conquistas do clube...


Na sala de exposições temporárias, também podemos apreciar obras de diversos artistas.
Na ocasião da minha visita pude apreciar a Exposição de Pintura  Três Cidades, Quatro Presidentes de Antonio Bessa...


Se você optar por fazer o tour Museu + Estádio, o que eu recomendo, ainda vai encontrar na área dos corredores que dão acesso ao estádio, belíssimos painéis de azulejos  do também importante artista da cidade, Júlio Resende...

Nestes painéis também é possível ver gravados nomes de sócios e jogadores importantes do clube
E ainda no acesso ao camarote presidencial do estádio encontramos uma obra do  artista Alberto Carneiro, Chama do Dragão...


Volto a dizer, vá com tempo a este museu da cidade, porque vai ter muito para ver, pesquisar e interagir.

O museu respeita uma rigorosa cronologia e por isso prepare-se para uma autentica viagem no tempo na companhia de personagens muito conhecidos também do público brasileiro...

à direita, o treinador brasileiro Dorival Kniper conhecido como Yustrich, veio treinar o FC Porto em 1955/56 e fazê-lo campeão depois de 18 épocas sem ganhar um título nacional.
Deco e Hulk que ajudaram o clube a conquistar muitos troféus nos últimos anos

Kelvin, também tem um espaço de destaque graças a um gol memorável que ajudou na conquista do último Campeonato Nacional ganho pelo FC Porto

As palavras de ordem do clube abrem o caminho para esta viagem no tempo...

Ambição, Rigor, Paixão e Competência
Uma história que começou a ser escrita há mais de 120 anos por um empresário do ramo do vinho do Porto, o sr. Antonio Nicolau D'Almeida, que desde o início deixou claro a identificação entre o clube e a cidade, no sentido de não concordar com um regime corporativista que convergia para Lisboa, inclusive no futebol.


O museu sempre a valorizar a cidade desde o início da sua história

um número infinito de objetos, documentos e troféus de todas as épocas

a história e a força da cidade presentes no emblema do clube
O período de 48 anos de ditadura do país é representado num túnel cinzento, de maneira fantástica.
E é coberto pelos belíssimos cravos do 25 de Abril...





Após este período, o museu "abre" para uma nova fase no país e no futebol  e adentramos por espaços amplos repletos de taças e conquistadas nos últimos anos...




o orgulho de ser o único clube português que já conquistou o pentacampeonato

 Todas as pessoas do clube são ali representadas e valorizadas. Desde os sócios mais antigos até os presidentes que passaram pelo clube durante estes anos...



Não pude deixar de dar mais atenção ao antigo presidente Cesário Bonito, que foi tio-avô do meu marido Rui Bonito, e que tem ali na galeria dos presidentes uma célebre frase...


O atual presidente do clube, Pinto da Costa, está lá, numa imagem holográfica, a contar muitas histórias marcantes no seus mais de 30 anos de presidência. Vale lembrar que é o presidente de clube há mais tempo e com mais conquistas a nível mundial...


Este holograma é um das muitas maneiras de interagir com todas as informações que o museu tem para oferecer. É realmente impressionante o levantamento histórico que foi feito para estar ali a disposição de todos os visitantes, num simples toque...
todas as emoções das grandes conquistas

Nenhuma modalidade é esquecida...


Assim como os meios de comunicação social...




Dá para fazer uma pausa num espaço lounge e ainda se divertir com algumas fotografias...

 

A visita ao museu pode  estender-se às dependências do estádio, neste caso sempre acompanhada de um guia de hora em hora a partir das 11 h até às 17 h.
Lugares especiais para quem adora futebol... como eu...




A loja do museu tem todos os produtos oficiais do clube e podemos ainda desfutar de um café antes ou depois da visita...


O museu tem uma programação extensa durante todo o ano para os miúdos, famílias e público em geral, como por exemplo, visitas guiadas com Joel Cleto, importante historiador da cidade do Porto.

Um programa muito especial para os visitantes e os locais.
Com uma localização privilegiada bem em frente a estação de metro Estádio do Dragão



Todas as informações, horários e preços: AQUI




Nenhum comentário:

Postar um comentário