domingo, 11 de setembro de 2016

Turismo criativo com os locais. Com a plataforma I'am a Local.

Quem acompanha o meu blog, sabe o quanto eu sou encantada por um tipo de turismo diferente, o turismo criativo, de experiências, de contato com os locais e quanto eu gosto de promover este tipo de turismo que também pode ser praticado aqui no Porto...

pode ver mais sobre este assunto neste post: AQUI
E agora, a boa notícia é que já existe uma plataforma on-line totalmente dedicada para turistas do mundo todo que gostam de fazer este tipo de experiências e o melhor, permite que pequenos produtores, artesãos e guias locais possam promover através desta plataforma os seus serviços. Possibilitando assim uma melhor proximidade entre turistas e locais. É a plataforma I'am a Local.

Um serviço on-line que permite a um turista que está a programar a sua viagem,  reservar a sua experiência  com um local, de acordo com as suas preferências. Que pode ser um passeio guiado pela Suiça, uma visita a um estúdio gráfico em Zaragoza, a  uma horta biológica em Vigo ou  a uma fábrica de calçados ou de chapéus em São João da Madeira.
Assim, conhecemos as pessoas da terra que visitamos, a economia local, o trabalho empreendedor de uma região que visitamos, os costumes, a cultura e as tradições.

I'am a Local permite aos pequenos produtores, artesãos e empresários darem a conhecer os seus serviços e espaços de trabalho aos turistas que queiram vivenciar novas experiências, tocar, cheirar, provar e saber fazer...





Mas não só, com esta receptividade passa a ter mais visibilidade, ganha novos consumidores e tem a  oportunidade de mostrar de forma transparente e direta o seu trabalho.

A convite da I'am a Local fui até Vigo na Galiza, nun Encontro de Bloggers, conhecer de perto algumas experiências que esta plataforma já tem disponível naquela cidade...


Quando pensamos em Vigo, lembramos logo das Rías Baixas,  dos bons peixes e  mariscos. Mas não!
Vigo é muito mais do que isto.
A começar pelo centro histórico, que me surpreendeu com a sua arquitetura imponente e belíssima...



os azulejos que me encantam.
E Vigo é também lugar de gente criativa e empreendedora, como os irmãos Fran e Patrícia do atelier de moda sustentável La Canalla.
Valeu a pena subir estas lindas escadas de um edifício daqueles antigos e belos...



... para adentrar no pequeno grande mundo de dois irmãos que tem uma larga história no mundo da costura. Talento herdado da sua mãe e que com muito entusiasmo eles vão nos contando como começaram com a ideia de fazer moda reaproveitando materiais.
20 anos de história quando fizeram a sua primeira peça.

Ponle cara al turismo é a associação criadora do projeto I'am a Local 



 paixão pelo que produzem


um atelier cheio de charme

Os irmãos Fran e Patrícia são criadores de muitos figurinos de arte cénica de muitos espetáculos de Espanha e já trabalharam também com o português Nuno Cardoso

aqui a maneira como apresentam as suas roupas para o teatro

Uma coleção de roupas de cama totalmente ecológica, feita com algodão orgânico é o grande orgulho dos irmãos que nos mostram cada pormenor dedicado à esta produção...



Pura inspiração!

A próxima experiência da I'm a Local no centro de Vigo é a Queseria Marqués de Valladares, onde a placa na porta já nos explica ao que viemos...



Uma casa de queijos, muito especial...





Queijos únicos, com história e de produção artesanal.

Num espaço concebido para receber quem quer entender mais sobre queijos, o também entusiasmado e profundo conhecedor Alejandro Montes, recebe-nos para uma autentica aula sobre queijos, sobre vinhos e sobre os dois juntos!











Não se trata de uma simples prova de queijos e vinhos é conhecer suas histórias, seus sabores, seus aromas e um pouco da história dos seus produtores.




Seguimos para a nossa última e deliciosa visita... num espaço também muito especial. Uma horta urbana!




Saliendo del Tiesto é um espaço que surge da ideia de duas "Anas",  Ana Lemos e Ana Gomes Aller, esta engenheira agrícola, dedicado à agricultura biológica, que para além do cultivo de muitas plantas e produtos biológicos, está muito voltado para a sensibilização deste tipo de prática, junto às escolas, às empresas e aos turistas. E foi com esta vontade de mostrar o seu trabalho que elas nos receberam...





 Por entre uma variedade incrível de produtos (nomeadamente várias espécies de tomates) e ervas aromáticas elas vão contando as suas histórias e o trabalho que fazem através de projetos de hortas escolares, em empresas, em espaços urbanos, workshops, aulas temáticas e muito mais.

Enquanto isso, vamos conhecendo  as suas produções diferentes como a flor elétrica, que produz uma sensação de frescor na boca, que pode perfeitamente substituir o chiclete...






E o tomate azul. Sim! Tomate azul. Com uma cor muito diferente e um sabor muito especial...



E assim, vamos conhecendo diversas variedade de tomates, sem saber qual é o melhor!






Uma oportunidade de conhecermos muitas plantas, que muitas vezes chegam às nossas casas de outra maneira...







E por falar em casa, tratei logo de comprar pimentos padrón, tão típicos da Galiza. Nada melhor do que viajar e trazer para casa os sabores da região que visitamos...



Uma maneira de viajar e trazer um bocado do lugar que visitamos. Isto é turismo criativo!

Fica a dica:

Se quer viajar e reservar uma experiência diferente com os locais, ou se é um pequeno produtor, artesão, guia local e quer dar a conhecer os seus produtos e serviços para os turistas que gostam de interagir com a cultura local. Vale a pena conhecer:

I'am a local

Nenhum comentário:

Postar um comentário