sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Um Porto Desconhecido... no Museu Soares dos Reis.

Há no Porto muita gente com muito talento, nas mais diversas áreas .
Muitas delas dão nas vistas. Outras... são desconhecidas.

Estas pessoas anonimas, e que gostamos de chamar de "as gentes" do Porto estão representadas numa exposição incrível no Museu Nacional  Soares dos Reis até o próximo dia 01 de Março.
É a segunda edição da Exposição Porto Desconhecido.


Um projeto do Centro Lúdico da Imagem Animada Anilupa (CLIA ANILUPA).
Esta segunda edição, do Porto Desconhecido começou a ser concebida em 2011, em parceria com Museus Municipais e Nacionais e também Instituições Sociais, Recreativas e Educativas da cidade do Porto.

O Projeto consiste em aproximar duas gerações distintas de várias regiões muito típicas da cidade e transformar as histórias destas gentes em cinema de animação.
Pessoas idosas foram estimuladas a contar as histórias das gentes do Porto aos alunos de algumas escolas básicas. Estes por suas vez, foram para estas zonas onde se passaram as tais histórias e através de um grande trabalho de pesquisa, começaram a surgir as primeiras ideias para os cenários e personagens dos filmes que iriam a ser produzidos.

O resultado final, foi um grande trabalho de união entre os idosos e os miúdos e vários curtas de animação a contar estas histórias.
Este vídeo mostra como foi esta fase de produção dos filmes. Vale a pena ver:




No Museu de Soares Reis, podemos apreciar todos os cenários produzidos por estas pessoas.
Reproduções incríveis de alguma zonas da cidade e as personagens...









riqueza de detalhes e perfeição nos acabamentos...






diversos materiais foram utilizados para reproduzir tantas zonas conhecidas por nós...





Muitas histórias nascem das crenças populares... como curas através de medicinas populares e bruxedos...


mas há também histórias baseadas em acontecimentos verídicos.
Como as Festas da N. Sra do Ó...


E a história do Duque da Ribeira, um homem que dedicou a sua vida a salvar muitas vidas no rio Douro, e a resgatar afogados no seu barco....


Hoje em dia, o Duque da Ribeira, está eternizado através de uma escultura em frente à casa onde nasceu na Ribeira...

O Duque da Ribeira quando  ainda era vivo, junto à sua escultura

Por isso, esta exposição Porto Desconhecido, além de mostrar todo o talento destas pessoas anonimas da cidade, vem acompanhada de muita emoção, quando olhamos para este trabalho que durou 2 anos para ser concluído e que uniu duas gerações à volta das histórias "desconhecidas" da cidade...



Além desta exposição, há uma série de outras atividades paralelas e exibições dos curtas de animação.
Basta seguir a programação em:

http://portodesconhecido.wix.com  
Facebook/PortoDesconhecido

Até 01 de Março de 2015 - Entrada Livre

4 comentários:

  1. Que trabalho lindo! E que bom voce ter postagem para conhecer melhor o Porto. Grata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Ilma, gosta de fazer estas postagens justamente para mostrar um Porto feito pelas próprias pessoas do Porto.
      Obrigada!

      Excluir