terça-feira, 22 de abril de 2014

Momentos com o Património Histórico e Cultural de Vila Nova de Gaia

A Sara Dias é a diretora da empresa Oporto & Douro Moments, dedicada a fazer circuitos personalizados entre o Porto e o Douro, sempre à medida de cada cliente. A estes circuitos ela dá o nome de... Momentos.
Atenta aos meus posts aqui no Blog, a Sara sabe que eu gosto de edifícios históricos, arquitetura, azulejos, gentes da terra  e principalmente descobrir sítios fora do circuíto turístico convencional e me convidou para acompanhá-la nos Momentos em Vila Nova de Gaia, os novos circuitos que ela resolveu criar para dar a conhecer lugares fora do comum, que estão ali tão próximos... na outra margem do rio.
A Sara Dias é natural de Vila Nova de Gaia e nada melhor do que conhecer com que é da terra, os segredos daquela cidade que afinal tem muito mais do que apenas a melhor vista do Porto... Fui!



Vila Nova de Gaia está logo ali do outro lado do rio, e por isso muitos turistas pensam se tratar da mesma cidade, nem percebem que lá não é o Porto. Afinal, em poucos metros de travessia da Ponte Luis I, já estamos em  V.N. de Gaia. Esta é a minha opção preferida para chegar do outro lado do rio, a pé lá no alto da ponte, por onde passa o Metro.


Vila Nova de Gaia, comumente chamada de Gaia, tem como um dos seus cartões postais, a Serra do Pilar. Este fantástico Mosteiro que foi construído entre 1538 até 1670, quando foi finalizada a Igreja de Nossa Senhora do Pilar...





E de onde temos é verdade,  uma das melhores vistas para a cidade do Porto...


Hoje em dia já é possível subir até o zimbório do Mosteiro. Mesmo lá no alto! Vale a pena ir!


Outro edifício histórico próximo do rio Douro, é o Espaço Cultural Corpus Christi, que já pertenceu a um convento do século XIV, mas que hoje recebe vários eventos culturais, principalmente exposições artísticas, e que merece ser visitado porque tem no seu Coro Alto, obras de arte sacra surpreendentes...


  
É claro que não se pode deixar de visitar as caves do vinho do Porto em Vila Nova de Gaia...



Mas a Sara Dias, também gosta de levar os seus clientes para apreciar um aperitivo ou uma outra bebida qualquer num dos bares do hotel vínico, The Yetman.
Momentos para desfrutar mais uma vez desta paisagem incansável...


Mas para provar que Gaia não é apenas as caves do vinho do Porto e a vista para a cidade invicta, a Sara Dias leva-me então para outro lugares emblemáticos dentro da cidade. E a primeira paragem é a Casa da Cultura-Casa Barbot



Esta casa é classificada como imóvel de interesse público desde 1982 e também recebe vários eventos culturais...



Para os apreciadores de arquitetura vale lembrar que esta casa é o único exemplar de Arte Nova  da cidade de Gaia e já por isso vale a pena estar a tento aos belíssimos detalhes no seu interior...



e exterior também...




A próxima paragem é um lugar incrível, que já lá não está. Mas que ainda é muito forte na memórias dos gaienses e não só. Na memória das grandes indústrias portuguesas: a  Fábrica de Cerâmica das Devesas...

na fachada a palavra DEVEZAS ainda como se escrevia antigamente
Fundada em meados de 1860, foi a mais importante fábrica de Portugal de artefactos de cerâmica para aplicação na arquitetura, especialmente azulejaria de fachada...



Ainda estão por lá muitas marcas dos tempos em que esta fábrica funcionou ativamente a produzir e criar muitos postos de trabalho...



Foi para mim, o ponto alto deste Momento em Vila Nova de Gaia, fiquei emocionada ao imaginar aquela fábrica e a sua grande produção tão importante para a economia da região... em outros tempos!


E por isso fomos conhecer outros dois locais onde a cerâmica e a azulejaria da Fábrica das Devesas ainda estão muito presentes na sua arquitetura.
Uma delas é  a Quinta da Boeira, com azulejos datados de 1916 a 1918...





Esta Quinta tem origem em 1799 e chegou a pertencer a um proprietário de uma empresa do vinho do Porto. 
Possui  jardins fantásticos e possibilita a realização de diversos eventos...


Mas o destaque vai para o restaurante/bar no interior da casa, onde a Sara Dias gosta de levar os seus clientes para desfrutarem do prazer de almoçar num Palacete do séc. XVIII...



com requintes de detalhes encantadores...




A seguir, fomos encontrar os azulejos da Fábrica das Devesas também na Casa-Museu Teixeira Lopes...



É um museu criado a partir da residência e atelier do escultor António Teixeira Lopes, onde é possível conhecer um espólio fantástico das suas esculturas, além de pinturas e outras obras de outros autores pertencentes a sua coleção particular e também arte decorativa. Infelizmente não é possível fotografar no interior do museu, mas pela beleza do seu jardim, e das obras que lá se encontram, fica a ideia do que se pode apreciar na Casa-Museu Teixeira Lopes. Foi uma agradável surpresa conhecer aquele lugar tão rico em obras artísticas...










Um informação muito interessante, é que nesta Casa-Museu está o atelier onde Teixeira Lopes, esculpiu a belíssima porta de bronze da Igreja Nossa Senhora da Candelária, no Rio de Janeiro...

foto: cameradecampo.blogspot.com
foto: paulanunes.blogspot.com

E como a Sara Dias, sabe também que eu gosto de ver o trabalho de artistas locais, ela levou-me ao atelier do ceramista José Fraga, onde tivemos o privilégio de vê-lo trabalhar em algumas peças, além de conhecer trabalhos belíssimos da sua autoria...






E porque quem é de V.N.de Gaia sabe alguns esconderijos, ela me levou a um Café que quase passa despercebido...


e que só quem conhece, senta na esplanada nas traseiras para ver... o Porto e os telhados lindíssimos dos armazéns das caves do vinho do Porto, a beber um bom café...



Momentos para desfrutar a cultura, a história e o património de Vila Nova de Gaia, tudo com o conhecimento e o profissionalismo atencioso da Sara Dias.
Mas não termina aqui. 
Continua com momentos e memórias junto ao mar de Gaia. Veja o novo post: AQUI


Oporto & Douro Moments:



5 comentários:

  1. O post está muito interessante e convida mesmo a conhecer melhor a cidade! Obrigada pela tua simpática companhia e pela magnífica reportagem:)

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada Sara! foram descobertas incríveis. Um beijinho!

    ResponderExcluir
  3. Trabalho muito interessante.
    Fico a aguardar por momentos e memórias junto ao mar.
    António

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Sara Dias!

    Adorei estes momentos... vai em frente.

    ResponderExcluir