segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Do Porto para... o turismo rural no Ribatejo

Sair um bocado do circuito urbano não faz mal a ninguém.
Para quem sai do Porto e quer estar uns dias em contacto total com a natureza, e também para quem está circulando pelo país até o Algarve ou o Alentejo, tem a opção de parar na região do Ribatejo e desfrutar do que hoje está super em alta: o turismo rural.



O Ribatejo está a aproximadamente 240 Km do Porto, memso às margens do Rio Tejo que nasce na Espanha e desagua no Atlântico já em Lisboa.
Mas ali a paisagem do rio é completamente diferente de quando o vemos na capital.


Atravessamos a belíssima ponte Salgueiro Maia e já estamos no Ribatejo...



E  então, entramos no mundo da natureza, dos animais, da agricultura, das coisas da terra...




Para quem quer usufruir de todo este ambiente fora do comum dos que vivem nas cidades, o turismo rural é mesmo ideal.
Uma dica é a Quinta da Gafaria. Um lugar incrível, dedicada à criação do gado Angus, esta Quinta é um lugar para passar uns bons dias sem pensar no stresse da cidade e aproveitar todo o contacto com este mundo especial da agricultura portuguesa.






O lugar ideal para os que gostam de cavalos...




 E de todos os bichos...



Prá quem não sabe ficar parado...


E para quem só quer mesmo relaxar...





E ver a vida passar...


A Quinta da Gafaria fica entre Santarém e Almeirim, com vista para aquela belíssima ponte:

www.quintadagafaria.com
+ 351 919762584

E o que comer no Ribatejo?

A gastronomia ribatejana é vasta e essencialmente baseada nos produtos locais. Mas para quem gosta de provar o prato típico de cada região, o mais famoso é a Sopa da Pedra, que não é só uma sopa, mas praticamente uma refeição completa, porque leva tudo ou quase tudo...

foto:lifestyle.publico.pt

Uma lenda engraçada explica o porque do nome da Sopa da Pedra, e porque ela leva quase tudo.
Leia: aqui.

Todas as fotos do turismo rural e a Quinta da Gafaria em: Facebook/OPortoencanta

Faça aqui a sua reserva na Quinta da Gafaria:

Booking.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário