segunda-feira, 16 de julho de 2012

Barcos Rabelos: tão importantes quanto o próprio Vinho do Porto

Nos dias de hoje, estão ali à margem  do Rio Douro, como  obras de arte que decoram uma parede...
E fazem parte da principal paisagem que tanto encanta quem circula na principal zona turística das margens do Porto e de Vila Nova de Gaia.
São os barcos rabelo...

foto: Rui Bonito

foto: Rui Bonito


Estão ali numa homenagem que as Caves do Vinho do Porto, instaladas na margem de Gaia, fazem a este tão importante  meio de transporte, tão importante na história do Vinho do Porto.

foto: Instituto dos Vinhos do Douro e Porto

Muito antes das estradas e dos caminhos de ferro, estes barcos eram o único meio que traziam os grandes barris de vinho do Porto, que eram produzidos a 100 kms da cidade, na região do Alto Douro Vinhateiro para serem guardados nos grandes armazéns de V. N. de Gaia. Uma viagem longa por um rio Douro muito acidentado e com correntes fortíssimas. Tinham que ser conduzidos por marinheiros especializados para estas situações.

foto: Taylor's

foto: Taylor´s


Com o passar dos anos, e as construções das estradas, estas embarcações já não eram mais utilizadas para o transporte do vinho, e caminhavam para a  extinção.
E foi então que as marcas do Vinho do Porto, resolveram homenagear estes barcos e suas corajosas tripulações, construindo estes lindos exemplares que embelezam a margem onde se  encontram as respectivas Caves.

foto: Rui Bonito


foto: Rui Bonito

foto: Rui Bonito

foto: Rui Bonito

Alguns foram construídos em maiores dimensões para o transporte e a alegria dos turistas.



E a grande homenagem  acontece todos os anos no dia 24 de Junho, no Porto na famosa Regata dos Barcos Rabelos, quando as velas são erguidas e no trajeto entre a Foz do Douro até onde se encontram as Caves do Vinho do Porto, faz-se esta competição emblemática...



Portanto,  o que seria do Vinho Porto e dos seus milhões de apreciadores, se não fossem estes lindos barcos a trazê-lo desde aqueles incríveis vales do Douro Vinhateiro para o Mundo?
Merecem todas as homenagens!


Nenhum comentário:

Postar um comentário