quarta-feira, 6 de junho de 2012

Alguns Destaques do Grande Festival no Porto

Do que eu vi no Domingo à tarde no Serralves, destaco 3 apresentações que de alguma forma ou de outra "mexeram" com o público que ali estava.


Ao som de uma belíssima ária, a  companhia francesa Beau Geste, interpreta: "Transportes Originais - Duo para um Bailarino e uma Escavadora". Sensacional. Tanto quem dirige a máquina como o bailarino, conseguem transmitir sentimento neste encontro inesperado. Belo, sensível e diferente, muito!!




Já "O Baile", uma apresentação de dança contemporânea, inspirada no filme de mesmo nome de Ettore Scola,  recriou o espírito dos bailes de bairro e vilas de Portugal. Com boa música graça e leveza.




E que com um  final apoteótico transforma-se num grande baile envolvendo o público em geral junto com dançarinos e músicos. Uma festa! E as pessoas... felizes!



E em pleno sol das quatro e meia da tarde uma mistura inusitada  do Kuduro com o  Noise Rock quebrou todos os paradigmas das diferenças raciais, sociais  e culturais. E todo mundo dançou e pulou ao som dos Throes + The  Shine.



E mesmo os mais quietos, observavam atentos à alegria contagiante da negritude do Kuduro com a "branquitude" do Noise Rock. Engana-se quem pensa que os opostos não se atraem.

 
 
Todas as fotos do Serralves em Festa em: Facebook/OPortoencanta

Nenhum comentário:

Postar um comentário