quinta-feira, 13 de março de 2014

Street Art & Street Food. No maior mural de arte urbana do país. Aqui!

A ideia surgiu do Centro Empresarial Lionesa, espaço onde já existiu uma grande indústria têxtil com o mesmo nome em Matosinhos, na região do Porto e que hoje abriga várias lojas e empresas, num espaço reabilitado e com muita harmonia: fazer surgir num muro de 1400 m2 na Rua da Lionesa e que pertence à empresa Unicer, o maior mural de Grafitti/Street Art do país.

A curadora do projeto é a artista plástica Catarina Machado e o street artistic RAM, o produtor que reuniu 10 artistas de norte a sul de Portugal, de renome internacional e que já participaram de vários eventos e festivais de arte urbana dentro e fora do país.
Do Norte temos: Caos, Colectivo Distopia, Draw, Mr. Dheo e Third, e da região Sul vieram: Mar, Mário Belém, o angolano Nomen , RAM e o brasilerio Utopia.
Surge então o Coletivo de Artistas do Mural da Rua da Lionesa!


Catarina Machado e os Street Artits  |foto: Catarina Machado|
E o resultado está ficando fantástico!




Está ficando, porque o projeto está em plena execução.
Sim, os artistas estão ali na Rua da Lionesa a pintar...









Nesta primeira fase, o tema é Matosinhos. Lugar de pescadores, mar, muitas histórias e algumas lendas.
E com liberdade total para suas criações, realizaram um trabalho incrível e belíssimo.
Estão a dar os últimos retoques nas suas imensas pinturas...







animados, descontraídos e super acessíveis para conversar e falar sobre as suas obras.

Aqui o brasileiro Utopia que vive em Lisboa a falar sobre a sua intervenção



Adorei andar também pelo espaço reservado para os artistas guardarem os seus materiais, trabalharem o seu processo criativo, fazerem o "braimstorming"...



se cheira a tinta? não... cheira a criatividade!




Dando segmento ao conceito "Street", a Lionesa também abriu as suas portas para os projetos de Street Food, com o simpático triciclo da "SHIKA" e o casal Alexandra e Ruy Leão, a intervencionar a melhor versão "citadina" do sushi e cia...


e a Isabel Tavares do "Comida de Rua", que serve a tradição portuguesa, com destaque para a sandes de leitão...


E como uma espécie de extensão do Street Art, a acontecer do lado de fora, no corredor central da Lionesa está o projeto Street Food que a empresa pretende avançar a partir do mês de Abril como opção 
gastronomica do Centro Empresarial.




Perfeita combinação...


Street Arte & Street Food...





Mas o trabalho continua lá fora e a segunda fase do projeto já está a começar. Os artistas agora vão pintar a história da evolução da Lionesa...


e a seguir na terceira fase, o tema será o processo de produção da cerveja Super Bock da Unicer.

Portanto há muito para ver nos próximos dias na Rua da Lionesa...


É um programa imperdível! 
Para quem gosta de Arte Urbana e não só.
Porque o ambiente  na Lionesa com todos estes artistas está fantástico.


E ainda, pode apreciar mesmo ali ao lado, a belíssima arquitetura de estilo gótico do Mosteiro de Leça do Balio... 

assunto para um próximo post

Mas se não pode aparecer por lá nos próximos dias, poderá numa outra oportunidade apreciar o maior mural de Street Art de Portugal, finalizado.

Acompanhe no Facebook:



Exibir mapa ampliado

Um comentário:

  1. Utopia, monstro de mais, o Cara é muito Zica, Dom que Deus deu. Parabens Cara.

    ResponderExcluir